Saltar os Menus

Notícias

2 de Julho de 2020

Nossa Senhora de Fátima , Estampa – 1948

O documento do mês de maio enaltece a espiritualidade da aparição de Nossa Senhora de Fátima aos três pastorinhos, a partir de uma estampa religiosa do ano 1948 – Lúcia de Jesus (10 anos), Francisco (9 anos) e Jacinta (7 anos), aconteceu pela primeira vez a 13 de maio de 1917, num campo da Cova de Iria, na freguesia de Fátima, em Ourém. No mesmo ano, Nossa Senhora de Fátima volta a aparecer aos três pastorinhos, a 13 de maio, 13 de junho, 13 de julho, 13 de setembro e 13 de outubro. Na última aparição, a 13 de outubro, estavam presentes 70.000 pessoas. Nossa Senhora disse aos pastorinhos que era a “Senhora do Rosário” e pediu a construção de uma capela em sua honra. Depois da aparição, todos os presentes observaram que o sol, assemelhando-se a um disco de prata, podia fitar-se sem dificuldade e girava sobre si mesmo como uma roda de fogo, parecendo precipitar-se na Terra. Em 1919 foi construída a Capelinha das Aparições, no local onde Nossa Senhora apareceu aos três pastorinhos. Todos os anos, milhares de peregrinos deslocam-se ao Santuário de Fátima para prestar homenagem e devoção a Nossa Senhora de Fátima. Os pontos altos das cerimónias religiosas acontecem na noite de 12 de maio com a procissão das velas na manhã de 13 de maio, com a procissão, Eucaristia e bênção dos doentes.

Em tempos de pandemia, urge um retorno à Fé e espiritualidade para alentar a nossa existência, a nossa alma.

Nossa Senhora de Fátima, 1948

 

 

 

 

Esta notícia foi publicada em 2 de Julho de 2020 e foi arquivada em: Arquivo.

Arquivo Distrital de Bragança